• Clinica NeuroGandolfi

Você sabe o que é avaliação neuropsicológica?

Atualizado: Jul 21


O que é avaliação neuropsicológica?

A avaliação neuropsicológica se propõe a investigar as funções cognitivas e comportamentais do cérebro. Através dessa avaliação podem ser mensurados o QI (quociente intelectual), a atenção, a memória, a compreensão, a linguagem, a leitura, a escrita, as habilidades aritméticas, o planejamento, o raciocínio, a aprendizagem além de aspectos emocionais.


Essa avaliação investigará todas as funções do cérebro. Quando conhecemos bem esse funcionamento, podemos buscar os tratamentos corretos.


Por que é indicada?

No âmbito clínico, muitos médicos indicam a avaliação neuropsicológica para:

  • Confirmar um diagnóstico através de testes psicométricos, com dados quantitativos (como por exemplo, no caso de deficiência intelectual que a medida de QI irá ratificar o diagnóstico);

  • Auxiliar um diagnóstico ainda confuso;

  • Verificar as capacidades intelectuais em casos de epilepsia, AVC, doenças que comprometem as capacidades mentais, leucodistrofias, lesões e tumores no cérebro;

  • Verificar a efetividade do tratamento realizado e dar um prognóstico;

  • Identificar quais as melhores estratégias para o tratamento.

Além da indicação clínica, poderá ser indicada também no âmbito jurídico a fim de verificar eventuais casos de incapacidade mental, alienação parental, abuso sexual entre outros.

Por que é importante fazer?

A avaliação neuropsicológica investigará todas as funções do cérebro. Quando conhecemos bem nosso funcionamento podemos buscar os tratamentos corretos e aprender melhor e mais rápido.


Identificando precocemente a existência de alguma disfunção, ainda dá tempo de começar a intervenção para que o cérebro possa se desenvolver o quanto antes e ter menos prejuízos futuros.

Para quem é indicado?

Para todos e em qualquer faixa etária! Muitos podem achar que apenas pessoas com problemas graves de comportamento, aprendizagem ou memória devem fazer uma avaliação. A avaliação revela as potencialidades e fraquezas de uma pessoa e isso ajuda qualquer pessoa em todos os ramos da vida: acadêmico, profissional e pessoal. Quando nos conhecemos melhor podemos agir melhor no mundo.

Quanto tempo demora?

Varia, podendo durar de 4 até 10 sessões de uma hora. Depende da velocidade do paciente e da quantidade de testes que serão necessários utilizar para chegar em uma conclusão.

Crianças com ou suspeita de Transtorno do Espectro Autista devem fazer avaliação neuropsicológica?

Sim! Pois, com essa avaliação, podemos avaliar condições coexistentes (por exemplo deficiência intelectual associada), nível de gravidade e quais áreas do cérebro é preciso estimular mais, auxiliando muito na intervenção.


Os instrumentos de triagem, como o Sistema PROTEA-R -NV de avaliação de suspeita TEA (Transtorno do Espectro Autista) e outros Transtornos da comunicação, e os de diagnostico, Escalas CARS-2 (Escala de Classificação de Autismo na Infância, Segunda Edição); Instrumentos ADOS-2 (Protocolo de Observação para Diagnóstico de Autismo, Segunda Edição) e Instrumento ADI-R (Entrevista Diagnóstica para Autismo Revisada), são aplicados na avaliação neuropsicológica.


#avaliacaoneuropsicologica #autismo #autista #autismonaotemcara #autismobrasil #autismobr #autismoinfantil #desenvolvimentoinfantil #intervencaooprecoce #inclusao #respeito #tea #transtornodoespectroautista

Renata Böhme Golasqui

Psicóloga - Neuropsicóloga - Psicopedagoga

Acompanhante Terapêutico Escolar Aplicador ABA

Intervenção precoce comportamental baseada em tecnologias de ensino naturalístico

CRP: 06/83800

Rua Dr. Pedro Costa, 483 - 3o. andar, sala 32, Centro, Taubaté - SP

CEP: 12.010-160  -  Tel: (12)-3621.4846 / Celular e whatsApp: (12) 97401. 8970  

E-mail: neurogandolfi@hotmail.com  -  Atendimento secretaria: Segunda a sexta das 9h às 16h

©  2020 por Clínica Neurológica Gandolfi.

  • Autismo na web
  • Facebook Social Icon
  • Instagram Social Icon